Cliquem aqui, http://radiovitrolaonline.com.br/, acionem a Rádio Vitrola, minimizem e naveguem suavemente sem comerciais.

.- A ÁRVORE QUE O SÁBIO VÊ, NÃO É A MESMA ÁRVORE QUE O TOLO VÊ! William Blake, londrino, 1800.

domingo, 31 de março de 2013

Feliz Páscoa a todos vocês e familiares


Caros amigos: 
Feliz Páscoa a todos vocês e familiares. 
Pode ser ovo virtual? 
Cliquem no link abaixo (Não Raul, cliquem em você). 
Com abraço do Ribas e família.

José Raul Machado Ribas
O meu não foi virtual não. Foi real, feito pela filhinha residente em Campos do Jordão, trufado, com qualidade inigualável. Raul, só será aberto no dia em que reunir a família, igual ao ano passado, pois estão viajando.
Muito obrigado e um grande abraço.

SÃO PAULO DE ANTIGAMENTE

Ford estacionado na Praça da Sé em 1938. No fundo, destaque para o Edifício Rolim. Crédito: Benedito J. Duarte
Cliquem no Ford 1937 e vejam dezenas de outros destaques de época na Capital paulista.

Dr. Moraes, muito obrigado e um abraço.

sábado, 30 de março de 2013

Dengue mata

video



VELHO RANZINZA...


Quando um velho homem morreu na enfermaria de geriatria de um lar de idosos em uma cidade do interior da Austrália, acreditava-se que ele não tinha mais nada de... qualquer valor. 
Mais tarde, quando as enfermeiras estavam olhando seus poucos pertences, encontraram este poema. A sua qualidade e conteúdo impressionaram tanto a equipe que cópias foram feitas e distribuídas para cada enfermeira no hospital. Uma enfermeira levou uma cópia para Melbourne... O único legado do velho homem para a posteridade já apareceu nas edições de Natal de revistas em todo o país e figura nas revistas de Saúde Mental. Uma apresentação de slides também foi feita com base em seu simples, mas eloquente poema.
E esse velho homem, com nada para dar ao mundo, é agora o autor deste poema "anônimo" navegando em toda a Internet.


VELHO RANZINZA...

O que vocês veem enfermeiros?... O que vocês veem?
O que vocês estão pensando... quando estão olhando para mim?
Um homem casmurro,... não muito sábio,
Incerto de hábito… de olhos distantes?

Quem goteja sua comida... e não faz qualquer comentário.
Quando você diz em voz alta... “Eu gostaria que você tentasse!”
Quem parece não perceber... as coisas que você faz.
E sempre está perdendo... uma meia ou sapato?

Quem, resistindo ou não... lhe permite fazer como quiser,
Com o banho e a alimentação... o dia inteiro para preencher?
É nisso que você está pensando?... é isso ... o que você vê?
Então abra seus olhos, enfermeiro... você não está olhando para mim.

Vou lhe contar quem eu sou ... como continuo, ainda, sentado aqui,
Conforme posso fazer ao seu comando,... como comer à sua vontade.
Eu sou uma pequena criança de dez anos... com um pai e uma mãe,
Irmãos e irmãs... que se amam
Um rapaz de dezesseis... com asas nos pés
Sonhando que breve... uma amante ele vai encontrar.

Um noivo logo aos vinte... meu coração dá um salto.
Lembrando os votos... que eu prometi manter.
Aos vinte e cinco, agora... tenho minha própria juventude.
Quem precisa de mim para guiar... e um lar seguro feliz.

Um homem de trinta... minha juventude agora cresceu rápido,
Ligados um ao outro... com os laços que devem durar.
Aos quarenta, meus filhos pequenos... cresceram e se foram,
Mas a minha mulher está ao meu lado... para ver que eu não lamento.

Aos cinquenta anos, mais uma vez,... bebês brincam no meu joelho,
Mais uma vez, conhecemos as crianças... minha única amada e eu.
Dias sombrios estão sobre mim... minha mulher agora está morta.
Eu olho para o futuro... tremo de pavor.
Pois meus jovens estão todos criados... da sua própria juventude.
E eu penso nos anos... e no amor que eu conheci.
Eu sou agora um velho homem... e a natureza é cruel.
É piada para fazer a velhice... parecer uma tolice.
O corpo, ele se desintegra... graça e vigor, partem.

Existe agora uma pedra... onde uma vez eu tive um coração.
Mas dentro desta velha carcaça... um jovem ainda habita,
E agora e de novo... meu maltratado coração incha 
Lembro as alegrias... eu me lembro da dor.
E eu estou amando e vivendo... a vida outra vez.
Eu acho que os anos, muito poucos... foram embora muito rápido.
E aceitar o fato gritante... que nada pode durar.

Então abram seus olhos, pessoas... abram e vejam.
Não um homem casmurro.
Olhe mais perto... veja... A MIM!


Lembre-se este poema da próxima vez que encontrar uma pessoa mais velha que poderá deixar de lado sem olhar para a alma jovem dentro dela... Vamos todos, um dia, estar lá, também! Por favor, compartilhe este poema. As coisas melhores e mais bonitas deste mundo não podem ser vistas ou tocadas. Elas devem ser sentidas pelo coração!
José Raul Machado Ribas.

Ribão, obrigadão e um abração.

“Eu nasci de novo em 2012. Estava no fundo do poço e me resgatei

“Tenha desejos possíveis e faça metas que você consiga realizar”
Dr. Alfredo Halpern

Junto aos exercícios físicos, ela mudou a alimentação com a ajuda de um programa da academia. “Comia muita massa, pizza, fritura e diminuí tudo isso. Hoje, legumes, verduras e frutas são 90% da minha alimentação”, diz. Idalia alerta, no entanto, que não fez nenhuma restrição na dieta, apenas foi substituindo os alimentos. “Essas trocas foram dando resultado aos poucos”, avalia.
Cliquem na Idalia e saibam mais.

sexta-feira, 29 de março de 2013

HOUVE UM MOMENTO... José Paulo Ferrari

video


Salve, querido Sérgio!

Ficou maravilhoso....obrigado pelo presente!

Que o Amor Fraternal seja sempre entre nós!

José Paulo

Meu Mestre, muito obrigado e um grande abraço.

quinta-feira, 28 de março de 2013

PINDAMONHANGABA, Mata dos Padres, parece-nos, será preservada

No dia 1º de dezembro de 2009 produzimos matéria alertando a população de Pindamonhangaba sobre o risco de perderem esta reserva de mata atlântica urbana, situada no Bairro do Socorro, a qual poderá ser vista clicando-se no link a seguir;
http://ecoeantigos.blogspot.com.br/2009/12/pindamonhangaba-ecologia-mexendo-com-o.html


No início desta semana recebemos para almoço  um diretor da ACIP - Associação Comercial e Industrial de Pindamonhangaba, o qual nos afirmou que, em reunião do prefeito Vito Ardito Lerário com a diretoria da ACIP, este noticiou  que a reserva de mata atlântica com área de 100.000 metros quadrados, existente no Bairro do Socorro, foi objeto de acordo entre seu proprietário e o Ministério Público do Meio Ambiente, resultando em liberação para desmatamento de 10% do terreno, com preservação permanente do restante, 90%, ou seja, 90.000 metros quadrados.

O quinhão que será devastado, segundo informação do prefeito, situa-se no frontal da rua Luiz Itálico Bocco, onde será construído um hotel de categoria elevada.

Ontem, dia 27, fomos até o local e constatamos que o empresário não perdeu tempo e ligeiramente, limpou e demarcou o terreno.

Colhemos estas posições, de longe, com o zoon, evitando-se hostilizações.

A solução não foi das melhores, segundo nosso entendimento, entretanto, nos damos por felizes, afinal, houve considerável conservação.

Hoje o diretor da ACIP aqui retornará, lhe mostraremos esta matéria e se quiser se pronunciar, está franqueado o espaço.

CQD.














quarta-feira, 27 de março de 2013

Coelhinho da Páscoa malvado



Valeu Sueli, obrigado. Bjs., inclusive ao Enzo, Lucca, Adrianinha e Wilson.

Hospital Público para animais

Em 24 mar 2013; domingo; às 19,34 horas

Poucas vezes encontramos alguma coisa proveniente de políticos, que possa ser elogiada e que nos cause uma admiração sadia em vez de um espanto diante de absurdos e monstruosidades surrealistas.

Não tenho partido político, mas deixo meus elogios ao ex-deputado e atual vereador ROBERTO TRIPOLI.

Através da simpática Tonin fui informado da sua diligenteoperacionalidade na defesa dos animais na cidade de SãoPaulo.

Ele conseguiu concretizar seu sonho de um Hospital Público para animais. Junto com os Drs. Veterinários, Ricardo Coutinho e Wilson Grassi, materializaram esse desejo.

Para entenderem o porque parabenizo o Vereador TRIPOLI, peço que assistam o vídeo no link a seguir.
Ele foi exibido no programa CLAQUETE, do Otávio Mesquita, no dia 15 de março de 2013.


Otavio Mesquita visita um hospital para cães e gatos. Localizado no bairro do Tatuapé, ele é o único hospital público para esses animais na capital paulista. O apresentador mostra quais são os principais atendimentos e o que é preciso conseguir o atendimento gratuito aos pets.

Enquanto uns se preocupam em dar condições dignas aos animais, nossos irmãos de jornada evolutiva na Escola da Vida, outros se esmeram em construir réplicas das câmaras de gás do famoso campo de concentração ou centros de zoonose que mais se assemelham aos campos de extermínio.

Neste Mundo de meu Deus existe de tudo.

Parabéns ao idealizador e aos colaboradores da obra exibida no vídeo.

Fagundo.

O arquivo Menina salva pelo cão, entra na categoria do 
Vale a Pena Ver de Novo!
Dr. Fagundo, muito obrigado e um grande abraço. Apareça logo mais para o nosso chá filosófico. O  Senador estará a postos.

terça-feira, 26 de março de 2013

Uma Especial Semana de Luz e Reflexão

José Paulo Ferrari  deixou um novo comentário sobre a sua
postagem "A semana que não pode ser esquecida.":

Saudações, meu caro e bom Sérgio!

Grato pela tua publicação.

Esta semana, pela sua peculiar natureza, sempre toca nossos corações de cristãos e, além de nos trazer à lembranças momentos de tão profunda dor, faz nossos corações transbordarem de gratidão. Pois, como eleitos de somos pela Graça da Divindade, em poder possuir inteligência, saúde e disposição, reconhecemos a Obra do Divino Mestre que, por todos nós, se ofereceu em holocausto no monte da expiação. 
Possa tu, também, meu bom e querido irmão, ser abençoado junto dos teus nestes momentos de consagração, quando reverenciamos a Suprema Paixão.
Com fraternal e saudoso abraço, desejo - também - a todos nossos queridos "companheiros" do Ecoeantigos uma especial semana de Luz e Reflexão, almejando que o Verdadeiro Cristo, independente de nossas crenças ou religiões, renasça em nossos corações! 


Saudações, meu caro e bom José Paulo!
Restabeleçamos a ordem das coisas; Nossos leitores e eu,  quem ficamos felizes e agradecidos quando Você, o Gêmiguel e a Rosinha nos honram com suas preciosas crônicas e poesias.
Agradecemos e retribuímos ao amigo os votos  de especial semana de Luz e Reflexão.
Grande abraço José Paulo.

Chico Herculândia envia foto cenário dos anos 20, colhida pelo próprio, em Franca/SP


Caro Serjão.

Estava retornando de uma feira de café em Araguari-MG e passando por Franca-SP me deparei com esta raridade.

Imediatemente pensei em vc.

Abs

Eduardo


Caro Chico Herculândia,
Acertou em cheio, já a coloquei no fundo de tela do meu PC. Meus netinhos, preteridos, chiarão, com certeza. 
Em Taubaté, no Posto Alty, do antigomobilista Eduardo, seu xará, tem uma bomba dessas aí, da Texaco. Enviarei esta foto a ele, quem sabe, monta algo assim, pois sempre expõe suas máquinas maravilhosas por lá.

Sua foto me remeteu ao ano 1946 em Herculândia, quando presenciei este acidente no Posto de combustíveis local, aquele pinguinho de gente ao lado da coluna enorme sou eu, meu pai e o guarda Batistela, da Força Pública, que atendeu a ocorrência. Era uma sexta-feira "Maior".

video
Este antiguinho fotografei e filmei agora no dia 17 em Paraibuna.
Muito obrigado caro Eduardo, sua foto me inspirou.
Um grande abraço a você e...


video

Agora Eduardo, veja esta foto que o Absalão me enviou, no post abaixo, neste mesmo posto de combustíveis em Herculândia.



segunda-feira, 25 de março de 2013

Absalão de Souza Lima envia foto histórica dos anos 60 ao ecoeantigos


Prezado Sérgio - bom dia.
Na casa de minha tia Virginia, revirando os alfarrábios, encontramos essa foto.  Lamentavelmente, não temos a data em que foi tirada, mas, voce não terá dúvida alguma, é o seu saudoso pai abastecendo uma perua Kombi. Só posso garantir que há mais de 50 (cinquenta) anos.
Grande Abraço - Absalão.

Prezado Absalão, bom dia.
Agradeça a sua tia Virgínia por esta relíquia. O posto era bandeira da Shell e precisava de uma pinturinha, não? As colunas de sustentação com obesidade mórbida, com nova denominação, OBESIDADE GRAVE, provaram que tamanho não é documento, pois o prédio desabou há alguns anos, claro, houve provocação de uma malvada retro que enviou para o brejo um prédio histórico, construído nos anos 30 pelo saudoso Joaquim de Oliveira, que abrigou a Agência Ford, que fora transferida para Oswaldo Cruz e posteriormente a Taubaté, onde um de seus gerentes, por muitos anos, foi o  Aldo D. Toledo Fusco, atual presidente do CAAT - Clube de Autos Antigos de Taubaté, meu amigo e Chefe nesta empreitada voluntária, a qual está, distante 18 quilômetros deste estúdio, com denominação de Itavema. À esquerda percebe-se o salão da Coletoria Estadual, contíguo ao prédio do pioneiro Banco Agrícola de Herculândia, Sociedade Cooperativa de Responsabilidade Limitada, fundado pelo Sr. Francisco Rodrigues Simões, cujo contador era o Sr. José Francisco Stocco, a escriturária, a Zenaide Correa Bernardes, o escriturário, o Nelson Walderramas, o caixa, o Elias Rayes, do qual tive notícias por estes dias, todo bonitão, vendendo saúde, com seus quase oitenta anos e o contínuo era este escrevinhador de meia pataca, à direita, o Bar do Lauro pedreiro, com propaganda da Coca na parede, a atendente, sua filha Fátima, o qual construiu o prédio da Coletoria, no fundo, o campo de bocha, na frente da Kombi, do Sr. Francisco Antunes Cintra, 
um Chevrolet Opala, vermelho, 4 portas, equipado com toca-cartuchos marca Muntz, do qual tenho um exemplar guardado e um cartucho também, ano 1968, do Luiz Garcia Martinez, meu avô, creio, ano em que a foto foi tirada, a espada de São Jorge seria obra da minha mãe Eufêmia, para espantar mau olhado, mas definitivamente, não funcionou, logo, espada de São Jorge, nunca mais, deixaram somente umas arvorezinhas lá no morro, ao lado da Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros, denominada (SP-294), quem passava pela calçada, de fronte à coletoria, era o Zé da Portuguesa e as formiguinhas que quase o Zé esmagou, eram saúvas.

Tenho  amigo, o Nelson Ishii, de São José dos Campos, o qual, no dia de 02 de dezembro de 2007, num encontro de autos antigos em Tremembé, levou o exemplar supra que acabara de adquirir.  Tão novinho que até o carimbo de fábrica no porta-malas ainda lá estava.
No dia 25 de agosto de 2012, no IV Encontro de Veículos Antigos de Taubaté, ocorrido no Taubaté Shopping Center, o Opala do Nelson, já com placa preta, indicando exemplar de coleção, recebeu o prêmio de melhor Chevrolet que se apresentou ao evento.
video
No filmete supra o Nelson se retirando com sua máquina maravilhosa.
Tudo isto me remete à nossa boa terrinha natal.
Grande abraço Absalão e muito obrigado.
PS: De brinde segue esta reportagem (rs) ===> OBESIDADE GRAVE