Cliquem aqui, http://radiovitrolaonline.com.br/, acionem a Rádio Vitrola, minimizem e naveguem suavemente sem comerciais.

.- A ÁRVORE QUE O SÁBIO VÊ, NÃO É A MESMA ÁRVORE QUE O TOLO VÊ! William Blake, londrino, 1800.

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Mês de Maio, momento significativo para a mente e o coração

O mês de Maio, o quinto em nossa tradição, parece possuir peculiar características pelas suas significativas comemorações e, por essa razão, existem muitos registros e histórias sobre o nome do mês. Mas, tudo indica que sua origem está relacionada ao de Maia, a deusa romana da primavera e do crescimento. Se assim for, não é difícil de compreender, também, o nome Maria e sua derivação.

Chamado, também, do mês das noivas e das mulheres, ele exalta em nossa cultura diversos acontecimentos como, por exemplo, no dia 3, o “Dia Internacional do Sol”, uma reverencia mundial à nossa principal fonte de Vida e Luz, que é, também, uma estrela de quinta grandeza e se constitui o centro do nosso sistema planetário. Embora o Sol, em varias tradições, esteja ligado ao arquétipo do pai, é preciso lembrar que, em verdade, ele é uma estrela, um corpo celestial, que oferece a tudo e a todos, como uma eterna mãe, uma sutil nutrição.

O segundo domingo, deste peculiar mês, é reservado às mães. Só por isso já valeria ser lembrado como especial, uma vez que nossas vidas têm em seus ventres suas origens e nossas sobrevivências com elas particular vinculação.

Nele, também, sempre acontece, segundo a tradição Cristã, o Dia da Ascensão do Senhor e o Corpus Christi, datas de extrema importância para aqueles que buscam a compreensão dos Mistérios Divinos. E, ainda, pelas tradições Judaica e Cristã, quase sempre o Pentecostes, onde – na primeira - estão velados os significados da entrega dos Dez Mandamentos ao Libertador Moisés, no Monte Sinai, e – na segunda – os segredos da descida do Espírito Santo sobre os Apóstolos, cinquenta dias após a crucificação.

Já o seu dia 13, também, apresenta momentos especiais, como a aparição de Maria para os pastorinhos em Fátima, no ano de 1917 em Portugal. E, também, o ato da assinatura da Lei Áurea no ano de 1888, pela princesa Isabel que assumiu o trono provisoriamente no lugar do pai e tornou-se a grande libertadora dos escravos no Brasil. Este foi um ato marcante para a humanidade ainda que na esfera de nosso país e - vale lembrar - promovido por uma mulher.

Neste mês, exatamente no dia 15, acontece também outra data internacionalmente conhecida em que se comemora, desde 1994, o “Dia da Família”, em reverência a data em que a ONU celebrou o Ano Internacional da Família, através do tema “Família, Capacidades e Responsabilidades num Mundo em Transformação”. Ora, coincidência ou não, referenciar a família no mês das mães parece-nos, no mínimo, possuir uma estreita relação.

Ainda, no dia 25 de maio é comemorado o “Dia da Adoção”, que foi criado em 1996 no I Encontro Nacional de Associações e Grupos de Apoio à Adoção, quando foi defendida a ideia de que a adoção é uma realidade social que se concretiza através de ato jurídico, que “cria entre duas pessoas vínculo de parentesco semelhante à paternidade e filiação”. Aqui outra curiosa relação, pois adoção esta vinculado a um sentimento profundo de acolhimento e, sobretudo, de proteção, muito natural ao espírito da maternidade.

Enfim, além de estar estreitamente ligado à Alma da Mulher ou acontecimentos que revelem características de natureza feminina, talvez para finalizá-lo não deve ser sem razão que, em seu último dia, é comemorado o Dia de Nossa Senhora da Visitação, uma antiga tradição que lembra o encontro das duas supremas Almas Femininas que trouxeram ao Mundo a Esperança da Redenção de toda a Humanidade.

Para muitos - sobretudo aqueles que têm os olhos voltados para o Conhecimento Universal e a percepção aberta aos símbolos como instrumentos de profundas revelações - esta comemoração marca um peculiar momento na história dos homens, onde está representado o encontro, o reconhecimento, entre a Antiga e a Nova Tradição.

Assim, de forma simbólica ou não, podemos reverenciar neste acontecimento um profundo significado, onde Isabel - nascida entre os Essênios e ainda que mulher velha e estéril - traz para Mundo a chave que encerrou o movimento da descida da Alma ao Precipício da Evolução. Enquanto que Maria - a virgem da mais sublime história de concepção - vem representar a jovem Sabedoria que se curva diante da sagrada Tradição, para cumprir sua suprema missão. Ou seja, anunciar ao Mundo a possibilidade da Salvação, abrindo assim o primeiro selo da dolorosa Via da Paixão.

Que este peculiar mês, no seu terminar, seja ainda um profundo motivo de nossas reflexões.
Fraternalmente;

José Paulo Ferrari, 31 de maio de 2013! 

Saudações Mestre. Muito obrigado e um grande abraço.

QUERMESSES

Na minha cidade natal, ali pelos anos 60 e 70, eu costumava frequentar as quermesses....Quermesses são festas realizadas na paróquia de pequenas cidades do interior de São Paulo, onde se montam barracas de comidas e bebidas típicas da região e as famílias se encontram e confraternizam; não sei se em Herculândia elas ainda acontecem. Havia um auto-falante onde “fulano oferece a musica tal pra sicrana”, e os correio elegantes, que são bilhetinhos anônimos ou não, trocados entre os jovens...Brega?!!!Mas era uma delícia... e muitos namoros começavam assim....ou no escurinho do cinema, no nosso Cine São Luiz. 

No dia 29 de maio de 1964, quando eu ainda não tinha treze anos, depois de muita insistência, permiti que um garoto se sentasse ao meu lado no cinema; era o sinal do começo de namoro. O filme era “Vera Cruz”; (NR;assistam-no AQUI) um western estrelado por Burt Lancaster, Sarita Montiel, Gary Cooper e Charles Bronson; comportadamente me sentei antes que as luzes se apagassem, e reservei um lugar ao meu lado....As luzes se apagaram e o meu pretendente se sentou....com outra menina!!!!De onde eu estava podia vê-los....Na fila da frente sentou outro garoto que passou o filme todo olhando pra trás e rindo...

No dia seguinte, ainda curtindo minha dor de cotovelo, lá estava eu na quermesse quando ouço...”Alguém oferece a musica de Sergio Endrigo,” Io che amo solo te” (AQUI) para Rosinha” Opa!!!! Nos últimos acordes ...” Io Che amo solo te, Io me fermerò e ti regalarò quel che resta della mia gioventù...” recebo um correio elegante: “Você está comprometida?” “Não; porque?!” “Gostaria de se comprometer? Eu sou aquele do filme Vera Cruz, sentado na tua frente” Como eu não sabia se o menino da frente passara o filme rindo DE mim ou PARA mim, fiquei em duvida entre um sonoro não ou um acanhado sim...Mas aqueles olhos verdes.....pronto; respondi que sim!!!!

No dia seguinte, Cine São Luiz!!! Como gato escaldado tem medo de água fria, não guardei o lugar e pensei com meus botões;_se ele vier ninguém há de sentar ao meu lado....e ele foi e juntos assistimos “El Cid”; (AQUI) drama épico com Charlton Heston e Sofia Loren. O que não sabíamos é que um dos meus quatro irmãos, o Beltran, estava sentado atrás de nós....mas essa é outra história....Desde então não nos separamos mais, e só muito tempo depois eu soube que o outro garoto que “paquerava” as duas, recebeu o sim da outra menina no mesmo dia, e foi se aconselhar com seu amigo, o menino dos olhos verdes, que prontamente o aconselhou a ir com a outra, dizendo que eu era mimada, metida e feia, não sei se nessa ordem. E que eu tinha quatro irmãos que eram umas feras....

O outro menino? O namoro acabou, e alguns anos depois ele e a família mudaram de Herculândia. Quase 40 anos depois, passando por Curitiba, esteve em nossa casa e demos boas risadas relembrando essa história. O menino de olhos verdes continuou meu namorado....e hoje comemoramos 49 anos de namoro....Vivemos e aprendemos muita coisa juntos, só não aprendemos dançar....apesar das inúmeras “brincadeiras dançantes” ao som de algum LP que rodava na eletrola de alguém, na sala da casa de algum amigo, ou dos bailes no “Herculândia Clube” ao som de Nelson e sua Orquestra Tupã, ou Leopoldo e Orquestra Tupã. Ainda é tempo de aprender.....de viver e de namorar.
Rosa Marin Emed.

Olá Rosinha, perdão pela intromissão, porém, não resisti em não linkar tão importantes referências em sua vida. Se preferir, desfaço.
Muitíssimo obrigado e um grande abraço.
video

quinta-feira, 30 de maio de 2013

FUSCUNHA; 4,5 Versão - 21 JULHO 2013

 Cliquem na imagem e saibam tudo sobre o tema

Tão logo sejam definidos horários, trajeto e pontos de encontro, detalharemos nesta seção. 

Fofura do dia: criança explica porque não quer comer os animais

Trata-se de um daqueles vídeos que provocam um “oooooooohhhh” coletivo por conta da fofura: Luiz Antonio, um menino do alto de seus (no máximo) três anos, explica para a mãe durante a refeição poque não acha legal comer um nhoque de polvo.

O vídeo viralizou ontem no Facebook, daqueles que todo tipo de gente compartilha: sua mãe, sua tia, seus amigos descolados, os contatos da época do colégio… E apesar de alguns grupos no Facebook e no Youtube terem usado o vídeo para discutir o vegetarianismo, a gente entende que ele viralizou pelo que é, mesmo: um vídeo fofo de uma criança sendo curiosamente eloquente pra sua idade e refletindo sobre algo que nem todos nós nos damos ao trabalho de parar pra refletir.
Fonte; AQUI

 

CAAT ON THE ROAD. VAMOS NESSA ZSYLVIO?

 Olá ZSylvio, no próximo dia 4 de agosto o CAAT - Clube de Autos Antigos de Taubaté promoverá a terceira versão do  CAAT ON THE ROAD na região do Vale do Paraíba, partindo da nova sede em Taubaté.


 Na segunda versão este Fusqueta 71 pilotado pelo Adailton César, tendo como navegador o Rafinha (criador do logo do ecoeantigos) e este teclador como manequinho (é assim que se chama aquele que vai no banco traseiro?) classificou-se em 5º lugar.

 -Vô, fica quieto. Tire as fotos aí, dizia o Rafinha em cada palpite meu. Foi divertido, rodamos 100 milhas e pegamos todas as estações do ano no percurso, até chuva, pois subimos a Serra da Mantiqueira até São Bento do Sapucaí

 Concorrerão 40 automóveis antigos e, embora as inscrições ainda não estejam abertas, já estão reservadas 30 participações, inclusive uma é para o ZSylvio, pois o Rafinha desertou.

Navegará para o seu Pai neste Monzão 1982, o primeiro Monza Hatch placa preta do Brasil. Reportagem sobre o feito está no forno.

 Com a deserção o César está desolado, pois tinha esperança de conseguir boa classificação desta feita.

 Agora, já imaginou se eu dou a notícia de que o ZSylvio, que hoje está nos States e logo mais desembarcará em Guarulhos, onde foi assistir as 500 Milhas de Indianápolis, será seu navegador? Dará pulos de alegria.

 Claro, terão que aguentar o Serjão como manequinho, pois fotografarei e filmarei todo o evento. Prometo que não palpitarei. A inscrição já está reservada. Espero que o ZSylvio tope a parada.

 Mas atenção ZSylvio, na semana que passou ocorreu um Rally da pesada, promovido pelo mais importante Clube de Autos Antigos do Brasil,  o Veteran Car Clube e sabe quem se classificou em primeiro lugar?

 O Fernando Dourado, um sócio do CAAT. Brincadeira? Fez até um agradecimento ao Clube pelas suas participações na 1ª e 2ª versões, pois absorveu muita experiência. Veja a seguir.

Domingo 
Excelente Raid, muito bem organizado, realizado este final de semana em São Lourenço/MG partindo de Taubate ,seguindo pelo Estado de Minas Gerais e tivemos ,eu e o navegador, Harley Abud a grata satisfação de conseguirmos o primeiro lugar na categoria 1956-1970 com a F-100. 
Agradeçemos ao Caat Antigos Taubaté pela experiencia que tivemos nos Raids que participamos e que nos deu conhecimento suficiente para conquistarmos o primeiro lugar.

Vamos lá caro amigo ZSylvio, deixe esta poltrona e venha ajudar o César.
Abração gente.

quarta-feira, 29 de maio de 2013

PASSEIO DO CAAT EM GUARATINGUETÁ - RECANTO DO BOSQUE - IMAGENS EM MOVIMENTO - CLIQUEM NO FORDINHO DO WILSON, QUE VEIO DE UBATUBA


CAIO DIB PARA MINISTRO DA EDUCAÇÃO


Se ao invés de politiqueiros, os quais transformaram nossa educação numa das piores do mundo, tivéssemos um Caio Dib, mesmo com seus só 22 aninhos, o BRASIL despertaria.
                       ===> AQUI

NESTA OPORTUNIDADE O CAAT ESCOLHEU PARA FIGURAR COMO "ANTIGO DO MÊS" O DODGE 1800, ANO 1975, DO SÓCIO LUIZ GUSTAVO MONTEIRO CABETT


Como disse o Dodge 1800 75, foi meu primeiro Dodge, fui atraído pela sua frente com dois pares de faróis redondos e mais um par de faróis auxiliares redondos e amarelos, até então estava acostumado com os Polaras pós 78, com faróis quadrados.

Ele me abriu o apetite para um Dodge V8, e assim que comprei meu Dart, num momento de desespero por não ter onde guardar carros me separei do meu Dodginho. O arrependimento foi imediato, outros Dodginhos vieram, mas o 75 não saia da cabeça, quatro anos depois consegui recomprá-lo.


Tenho a certeza de que não é meu melhor Dodginho, mas foi meu companheiro em muitos quilômetros e eventos nos últimos tempos, o escolhido para estrelar uma reportagem do Auto Esporte da Rede Globo e da minha garagem não sai mais, à não ser que seja para um passeio.
Gustavo.
=======
A propósito, o CAAT recomenda aos nossos leitores uma visitinha ao site abaixo;
http://autoentusiastas.blogspot.com.br/2013/04/quarentoes-que-superam-desafios.html#more


terça-feira, 28 de maio de 2013

Gosto não se discute

Realmente tem gosto para tudo. Um antigomobilista, aqui de Pindamonhangaba, amigo do bloguito, até segunda-feira passada tinha como seu automóvel de uso este Ford Fiesta 1.0, básico, ano de fabricação 2011, com 15.000 quilômetros rodados, pois o comprara zero km.

Participou do passeio promovido pelo CAAT - Clube de Autos Antigos de Taubaté em Guaratinguetá, no Recanto do Bosque, no domingo, dia 26 e lá tomou conhecimento de que o proprietário do Fusca abaixo, o estava vendendo. Ficou aguaaaado.

 O caboclo é meio ruim de negócio, então, colocou seu filhão, entendido da arte, a entabular negociação com o proprietário e não foi muito complicado, na segunda-feira, na parte da manhã, o martelo foi batido.

 Correu lojas de automóveis e torrou seu Fiestinha por preço que estava bom para ambas as partes.

 Foram até o município de Roseira, onde reside o ex-dono, deram um "borrachudo" do Banco do Brasil, que foi aceito sem qualquer consulta, pois o Carlos sentiu firmeza nos compradores e lhes entregou o belo Fusca Itamar, gasolina, ano de 1995, originalíssimo, com a quilometragem retratada na foto ali abaixo.

 Retornaram então para Pinda felizes da vida. Gozado né? O companheiro troca um automóvel 2011 por outro 1995 e sai rindo, todo satisfeito. Pode? Só quem tem a ferrugem nas veias compreende tamanha maluquice.

 Bem, não foram só flores. Sua filha e seu genro não gostaram nada da transação. Falaram que o colega ficou maluco. O importante é que o coroa ficou feliz igual a pinto no lixo.

 Ele só me relatou um problema. Pinda é cidade onde todo mundo se conhece. Fusca Itamar, cor prata, é o único a circular por aí. Não tem outro, ou se tiver, está  escondidinho, pois podem ficar o dia todo na avenida principal que não passa nenhum, logo, qualquer parada em boteco, será motivo para fofocas.

 Ah! Observem o toca-fitas, originalzinho, funcionando direitinho e acima, o odômetro a registrar Fusca semi-novo. Verdadeira raridade. Ai que inveja do sortudo gente!

 Ofereço ao amigo esta música e que curta muito sua excelente aquisição. ===>  AQUI


Uma Razão Para Viver

Enviado por mcsclion:

Uma menina americana muito jovem, que tenta com sua história fazer a diferença na vida de alguém... Louvável em dias onde as redes sociais mostram um mundo perfeito, retratando a ilha que cada um de nós se tornou... Onde o "EU" esta acima de tudo e de todos, onde ser frágil é motivo de vergonha e preconceito, expor sentimentos, fragilidades e valores esta fora de moda, onde o pensamento geral é de que o problema do outro é simplesmente do "OUTRO", e que este se vire para resolve-los... Pelo menos ela tenta fazer algo de bom a partir do seu próprio sofrimento exposto explicitamente... Se tocar uma pessoa que seja, e isso mudar algo... Já valeu a iniciativa dessa menina, que faz do vídeo, uma arma do bem para o bem!!! Amar ao próximo é colocar um outro ser acima de nossos próprios interesses pessoais, e isso é para poucos... é necessário muita grandeza de espirito para fazer algo assim... Mas esse é o único caminho para mudarmos o rumo de uma sociedade cada dia mais decadente e egoísta... Isso não tem relação com nenhum seguimento religioso, tem relação com Amor, Consciência e Caridade, pensamentos e sentimentos que devíamos todos carregar conosco dia após dia... Amar ao próximo, ter dignidade e gratidão é ter coragem, ter compaixão é fortaleza, já dizia um cantor Brasileiro que tentou fazer a diferença... E fez!!!!!

Música: Demon Hunter - Deteriorate

Assistam aqui, só seis minutinhos===> AQUI

segunda-feira, 27 de maio de 2013

A patrulhinha é de brincadeira, mas o Delegado, é de verdade

 Cliquem que as fotos ampliam

 Dr. Rubens Garcia Neto, Delegado de Polícia dos municípios de Santo Antônio do Pinhal e Campos do Jordão.

 Querem vê-lo em ação? Cliquem AQUI.

 Olá Dr. Binho, copie daí, faça os quadrinhos e os coloque em suas salas de trabalho.

 O saudoso Rubão, com certeza, vendo tudo lá do céu, orgulhoso, não?
José Raul Machado Ribas, veja o nosso pupilo aí!
Abração.